"Pastor" não ressuscitou!

Atualizado: Nov 3

"E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo" (Hebreus 9:27)

ENTENDA O CASO:

Um “pastor”, no ano de 2008, escreveu um documento, na presença de duas testemunhas, afirmando que quando o dia da sua morte chegasse, ele iria, assim como Jesus, ressuscitar ao terceiro dia. Infelizmente, 13 anos depois, ele veio a falecer vítima de complicações da COVID-19. A questão é que sua esposa, confiante de que ele havia tido uma revelação do Espírito Santo, não autorizou que seu corpo fosse enterrado. Então seu corpo ficou refrigerado na funerária durante o prazo, que encerrou na segunda-feira (25/10/21) às 23h30, com a sua NÃO ressurreição.


Infelizmente é mais uma morte causada por essa doença e não consigo imaginar a dor da família neste momento, é uma fatalidade que muitos tem sofrido nestes últimos anos. Minha oração é pelo consolo divino para essa esposa e tantos outros que perderam seus entes queridos.


Contudo, não poderia deixar de comentar sobre como esse caso desrespeita a Palavra de Deus, não só por tirá-la de seu contexto, mas por atribuir “revelações” fraudulentas ao Espírito Santo. Gente, eu tenho batido tanto nessa tecla nesses últimos dias, não é isso que a Bíblia ensina sobre a obra do Espírito Santo!


NÃO EXISTE NOVAS REVELAÇÕES DO ESPÍRITO SANTO! Tudo que precisávamos saber sobre Deus, sobre Jesus, sobre o Espírito Santo, sobre o Evangelho, sobre a salvação, sobre arrependimento, sobre perdão, sobre o passado, presente e futuro, tudo, tudinho mesmo, ESTÁ REGISTRADO NA BÍBLIA SAGRADA!


Os milagres de ressurreição descritos no Novo Testamento, tinha um único propósito: MOSTRAR QUEM ERA O MESSIAS! Não caiam nessa! Por mais reconfortante que sejam as palavras que você ouvir, questione-se: “Será que a Bíblia apoia isso?” Só haverá uma ressurreição agora, e esse dia será triunfal e não só um caso acontecerá, mas TODOS os que morreram serão ressuscitados, não se iludam com charlatanices modernas! Encerro com as palavras do Apóstolo Paulo para sua meditação:


“[3] Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres segundo as suas próprias cobiças, como que sentindo coceira nos ouvidos; [4] e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas. [5] Tu, porém, sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze o trabalho de um evangelista, cumpre cabalmente o teu ministério”. (2 Timóteo 4:3-5)


8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo